Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Histórico
Início do conteúdo da página

Histório

Publicado: Sexta, 06 de Outubro de 2023, 07h19 | Última atualização em Sexta, 06 de Outubro de 2023, 08h42 | Acessos: 451

O Curso de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) é um empreendimento acadêmico gestado pelo Departamento de Ciências Sociais (DCiS) e do Instituto de Filosofia, Ciências Humanas e Sociais (IFCHS) na busca de ofertar a sociedade manauara, e da PanAmazônia, a oportunidade de desenvolver em nível de pós-graduado pesquisas e investigações profundas para compreender a si e as dinâmicas sociais das sociedades amazônicas.

 

A UFAM foi fundada em 1909, tendo passado a abrigar um curso de Ciências Sociais em 1987. Em 2007 o DCiS já havia executado uma proposta de PPGS, que teve suas atividades encerradas em 2016, tendo, no período, formando 80 mestres em Sociologia, os quais estão engajados no mercado na Amazônia e no Brasil, muitos destes dando continuidade em estudos doutorais em outros programas. Contudo, enfrentando as adversidades e diversas dinâmicas acadêmicas, o DCiS novamente se organizou e preparou para a criação o presente PPGS, tendo logrado autorização, em 06/2023, para executar novamente o PPGS.

 

Vale anotar que, de todos os estados do norte brasileiro, somente existe um programa de pós-graduação em stricto sensu no campo da Sociologia (PPGSA – Sociologia e Antropologia) na UFPA. Em assim sendo, existe uma grande carência no campo da Sociologia para atender, principalmente os estados mais orientais da Amazônia brasileira, como Roraima, Acre e Rondônia, e o próprio Amazonas. Em assim sendo, o PPGS representa uma oportunidade para a sociedade amazônica promover sua formação sem necessidade de procurar outros centros de conhecimento.

 

O PPGS têm como área de concentração “Sociedades Amazônicas”, firmando duas linhas de investigação, a primeira focalizada em “Cultura e Conhecimento” e a segunda em “Sociedade e Poder”, o que permite que possamos albergar as diversas dinâmicas sociais, relações culturais, políticas e econômicas, um complexo emaranhado nas questões gênero, raça/etnia, classe social, religião e outros possíveis.

Fim do conteúdo da página